terça-feira, 21 de julho de 2015

Trabalho colaborativo para apresentar candidatura à segunda fase



GRUPOS DE TRABALHO DA REDE DLBC LISBOA preparam segunda fase de candidatura.
Com objectivos muito exigentes (até 27 de Julho é preciso apresentar toda a canadidatura) várias entidades da Rede trabalham numa base colaborativa para realizar esta tarefa em ritmo de contra-relógio.
As Linhas de acção que estão aser valorizadas são:
1 Apoio à elaboração e animação de estratégias locais suportadas em parcerias entre organizações da sociedade civi

2 Promoção de inclusão ativa para a empregabilidade de grupos vulneráveis
3 Estímulo à inovação no que respeita à procura de novas respostas sociais para a resolução de desafios sociais identificados
4 Apoio à criação de espaços de apoio ao desenvolvimento comunitário, preferencialmente por via da refuncionalização de equipamentos existentes
5 Promoção e valorização económica do património cultural e natural
6 Apoio a ações de dinamização e capacitação do tecido associativo local e do associativismo jovem
7 Apoio a ações que promovam a aprendizagem ao longo da vida, o envelhecimento ativo, o apoio à 1a infância e o combate ao insucesso e ao abandono escolar
8 Estímulo à cidadania ativa e à dinamização de relações de convivência e de solidariedade local
9 Pequenas operações de qualificação do espaço público e de valorização do ambiente urbano de espaços urbanos de grande valor simbólico e comunitário
10 Dinamização de estruturas empresariais inovadoras e competitivas, capazes de responder às novas formas de procura e promoção de novos caminhos para o escoamento de produtos, com a adoção de ciclos curtos de comercialização (e.g. farmers markets, hortas e pomares online)
11 Criação de canais que facilitem e consolidem a passagem de situações económicas e sociais informais para, progressivamente, quadro formais de actividade e registo
12 Apoios ao empreendedorismo e à criação de emprego por conta própria
13 Apoio à criação de viveiros de empresas, preferencialmente por via da refuncionalização de equipamentos existentes
14 Incentivos ao investimento de pequena dimensão e à criação de microempresas onde a criação de emprego é critério fundamental do apoio
15 Criação de núcleos locais promotores de iniciativas de economia

Sem comentários:

Publicar um comentário